De onde vieram os Góticos?


   Como vimos na história sobre a esposa do detetive, os góticos podem ajudar o detetive a encontrá-la futuramente. Então por que não descobrirmos mais sobre eles? De onde o goticismo surgiu?
   Gótico foi um termo criado para descrever uma forma de arte que se subdividiu do romantismo. A arte gótica era expressa principalmente na arquitetura e na literatura, durante o período renascentista. Muitos castelos, igrejas e fortalezas dessa época foram chamadas de góticas para descrever o teor rústico dos traços dessas construções.


    Já em épocas mais recentes, em meados do século XVII, muitos livros de ficção foram denominados góticos por suas histórias se passarem em castelos góticos, bem como as florestas sombrias que os circundavam, por possuírem personagens sentimentais, por retratarem a Idade Média e assim por diante. Livros de terror psicológico, que retratam o sobrenatural, vampiros, loucura, cavalheiros medievais, etc viram no estilo literário gótico o cenário perfeito para suas tramas. Assim, o goticismo foi sendo associado ao sentimentalismo, reflexão (costume derivado do iluminismo renascentista), o sombrio, ao medieval, aos vampiros e gárgulas. O estilo gótico, também denominado pós-punk, traz todos esses aspectos históricos em seu rock, sua moda e seu comportamento. 

   Mas e a palavra gótico? De onde veio?
Exemplo da arte dos Godos. Uma joia em forma de águia.
  Na Idade Média havia um povo que era considerado rústico em contraste com o povo mais delicado do Império Romano - os Godos. Provindos da Escandinávia medieval, os Godos eram um povo guerreiro e sofisticado, mas considerado bárbaros pelos romanos. Em um dado momento, houve um costume de apresentar maior rusticidade na arquitetura de castelos e igrejas. passou a ser chamado de Gótico pelos romanos, fazendo uma associação com os Godos, um povo rústico.
   Os Godos se estabeleceram principalmente na ilha de Gotland, agora pertencente a Suécia. E falavam seu próprio idioma, o gótico. Eram hábeis artesãos e forjadores o que demonstra um bom nível de sofisticação, apesar de serem vistos como bárbaros pelos romanos.
   Outra linha de pensamento relaciona os góticos com a palavra grega γοητεία (goēteia) que significa "feitiçaria". Segundo essa teoria, gótico e goético (um tipo de mago) seriam a mesma coisa.
   Pessoalmente, acho que a primeira explicação explicaria melhor os aspectos do estilo gótico. Mas não há dúvida que o goético influencia o estilo à partir dos góticos que aceitam a segunda versão e partem para um estilo e comportamento mais místico.

Nenhum comentário:

Fernando Vrech. Imagens de tema por andynwt. Tecnologia do Blogger.